O Portal
da Vida em Família
06/03/2021

Quando é hora de levar a adolescente em consulta com ginecologista?

Compartilhe a matéria



Pais e Mães ficam com dúvidas: até quando a adolescente passa com pediatra e a partir de que idade deve passar com ginecologista? A Dra. Ligia Santos responde.

Por Papo de Mãe

A ginecologista e obstetra Ligia Santos, colunista do Papo de Mãe, derruba alguns mitos. Segundo ela, a primeira consulta com ginecologista não precisa estar associada à primeira menstruação (menarca). Pode acontecer, inclusive, antes, de acordo com a saúde da menina.



(Foto: Papo de Mãe/Divulgação)

Normalmente a visita ao/à ginecologista acontece entre 12 e 14 anos e há ginecologistas que são especializados em crianças e adolescentes.



A tendência é que meninas que estejam acima do peso menstruem mais cedo, assim como as que tiverem histórico familiar de menstruação precoce.

Dra Ligia faz um alerta: meninas com 14 anos que ainda não menstruaram e não apresentam sinais de puberdade precisam passar com ginecologista para uma avaliação. E aquelas que têm sinais de puberdade, mas atingirem 16 anos sem menstruar também precisam de uma investigação.



E como é essa consulta? “Geralmente a primeira consulta é de reconhecimento, uma conversa, para a menina conhecer o/a ginecologista, para que ela crie o hábito de ir ao médico e se cuidar.”, diz a Dra. Ligia. Se ela for virgem, não são feitos exames ginecológicos invasivos: “Ela pode ser examinada, mas isso não significa que ela terá a privacidade invadida, a paciente será tratada como quer ser tratada”.

“Adolescente têm proteção do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) para consulta ginecológica. Ela não precisa ser acompanhada por adultos, ela tem o direito de ir sozinha. Antes dos 14 anos, os pais, mães ou responsáveis precisam ser avisados. Mas após os 14 anos, não há a obrigatoriedade de avisar”, explica a médica.

Confira a orientação da Dra. Ligia no vídeo:

@draligiasantosgineco

Veja também:

Quando posso engravidar após um aborto? Dra. Ligia responde.

O intervalo ideal entre as gestações

Incontinência urinária na gestação. O que fazer?




Compartilhe a matéria

Tags: , , ,