Papo de Mãe
Papo de Mãe

Cuidados com a pele no inverno e no período de pandemia

O dermatologista  Cristiano Kakihara dá 5 dicas de como tratar o maior órgão do corpo humano no frio e com o uso de máscara

Dr. Cristiano Kakihara Publicado em 27/06/2021, às 09h11

Cuidados especiais com a pele por causa do uso de máscara
Cuidados especiais com a pele por causa do uso de máscara
Com a chegada do inverno, o maior órgão do corpo humano, que é a pele, requer cuidados especiais, sobretudo neste período de pandemia. O uso de máscara acumula sebo no tecido e este fica permanentemente em contato com a pele, propiciando lesões de acne, além de dificultar a perfeita troca de água com o meio ambiente. É claro que isto não serve de desculpa para não usarmos a mesma! Ela é primordial e basta termos os devidos cuidados cutâneos. 

Assista ao vídeo com o Dr. Cristiano Kakihara sobre o uso de máscara e os cuidados com a pele. 

  1. Primeiro passo: usarmos um bom sabonete líquido. Este deve ser idealmente líquido, hipoalergênico, sem essência, não comedogênico e de pH final fisiológico.
  2. Segundo passo: usar tônico/adstringente ou solução micelar para complementar a remoção de sujidades.
  3. Terceiro passo: usar um produto com substâncias hidratantes e não-comedogênicas durante o dia, exceto se a pele for muito oleosa.
  4. Quarto passo: em seguida, utilizar protetor solar adequado para o tipo de pele, com FPS no mínimo 30 e com pigmentos totalizantes; reaplicá-lo diversas vezes durante o dia.
  5. Quinto passo: à noite, após todo o ritual de higienização, usar um produto que contenha substâncias antioxidantes, antirrugas ou secativas para acne; tudo dependerá da ideal análise do médico dermatologista.

Veja também: 

Devemos lembrar que tudo isto é primordial para daí fazermos tratamentos efetivos em consultório, como aplicação de toxina botulínica, preenchedores, bio-estimuladores, LASERs, luzes, radiofrequência, indução percutânea de colágeno, microagulhamento de ouro com radiofrequência, infravermelho e ultrassom microfocado. Todos estes tratam com eficácia os 4 mm aproximados que temos de espessura da pele, dependendo do local do corpo.

*Dr. Cristiano Kakihara

Cristiano Kakihara é membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia; cursou pós-graduação “lato sensu” no Departamento de Dermatologia da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo; é médico dermatologista em São Paulo (SP).

Instagram: Dr. Cristiano Kakihara.

PandemiaSaúdeVídeos