Papo de Mãe
Papo de Mãe

Tentando engravidar

Roberta Manreza Publicado em 06/12/2016, às 00h00 - Atualizado às 08h55

None
6 de dezembro de 2016


Por Mariana Kotscho*

Mariana K

Uma vez me disseram que se a gente for esperar a hora certa de ter filhos essa hora não chega nunca ou pode demorar muito… Mas uma coisa é certa: a vida com filhos muda muito. Suas prioridades serão outras assim como sua rotina e seu sono.

Por outro lado, tem mulher que resolve engravidar e acha que vai dar certo no dia seguinte. Daí, vem a frustração de não conseguir engravidar tão rápido e, em alguns casos, a descoberta de um problema de fertilidade. Felizmente, com os avanços da medicina, as chances hoje são muitos maiores, mas os tratamentos custam caro ou têm filas enormes na rede pública.

Eu fiz tratamento para engravidar e tive duas meninas. O médico me disse que eu nunca engravidaria naturalmente. Porém, um ano depois da segunda filha, veio o André, que está com 9 anos. Costumo dizer que ele veio de brinde. Acabei virando aquelas personagens que fazem tratamento e depois conseguem engravidar naturalmente. E aprendi que há coisas na vida que a gente simplesmente não consegue programar.

No Papo de Mãe com ‘Mulheres Tentantes‘ tem boas dicas para quem está passando por isso.

Assista também:

*Mariana Kotscho é mãe de 3 filhos, jornalista e apresentadora do Programa Papo de Mãe da TV Cultura.




ColunistasMariana Kotscho (2)Desafios / DilemasDestaquesPré-natalTentando EngravidarSaúde