Papo de Mãe
Papo de Mãe

Ser médica e mãe: a angústia de estar na linha de frente e não poder abraçar uma filha

Nesta entrevista você vai conhecer a nefrologista Patrícia Malafronte, que trabalha na linha de frente na Santa Casa de São Paulo. Ela atende diretamente doentes vítimas da Covid-19. Patrícia é mãe da Clara, de 11 anos.

Roberta Manreza Publicado em 23/06/2020, às 00h00 - Atualizado às 14h31

None
23 de junho de 2020


Nesta entrevista você vai conhecer a nefrologista Patrícia Malafronte, que trabalha na linha de frente na Santa Casa de São Paulo. Ela atende diretamente doentes vítimas da Covid-19.
Patrícia é mãe da Clara, de 11 anos, e conta como está sendo a rotina de trabalho, como tem enfrentado as dificuldades para conciliar com a maternidade (a filha precisou ficar na casa da tia) e como faz para manter o equilíbrio emocional diante de tudo isso.

Profissionais como Patrícia merecem todo nosso respeito, admiração e agradecimento.



DestaquesEntrevistasHome