Papo de Mãe
Papo de Mãe
» EDUCAÇÃO

Science Days Brasil volta às atividades presenciais em 2022

Evento científico Science Days envolve estudantes em torno de diversos assuntos, entre eles células tronco

Redação Papo de Mãe Publicado em 23/03/2022, às 07h54

Um dos temas do science days é a célula tronco do dente de leite
Um dos temas do science days é a célula tronco do dente de leite

Hoje é o último dia do Science Days Brasil 2022, um evento da Fundação Michaelis para Educação Global (The Michaelis Foundation for Global Education). É a 6ª edição do evento no país. As seções presenciais aconteceram em Sorocaba (SP) - 14 e 15 de março, São José dos Campos (SP) - 17 e 18 de março e Belo Horizonte (MG) - 22 e hoje, 23 de março.

A iniciativa acontece no Brasil desde 2017 e conta com a participação de várias empresas, entre elas a R-Crio, um centro pioneiro na técnica de isolamento, expansão e armazenamento de células-tronco do dente, tecido adiposo e do céu da boca (periósteo do palato) no território nacional.

Assista entrevista do Papo de Mãe sobre célula tronco do dente de leite

O Science Days é considerado um dos maiores eventos na área espacial e STEM (sigla em inglês para Ciências Naturais, Tecnologia, Engenharia e Matemática) dos Estados Unidos, além de pioneiro no Brasil. Há também atividades com os estudantes.

“É gratificante fazer parte do trabalho realizado pelo Science Days, que é da mais alta relevância e deve ser repercutido em outras áreas. A intenção da R-Crio é fazer com que a criança, por meio de uma experiência tecnológica, moderna, lúdica e empolgante, possa conhecer a importância, para sua saúde e bem-estar, de ter suas células-tronco da melhor fonte do seu organismo e de qualidade armazenadas para qualquer tipo de situação. A nova geração poderá, certamente, viver mais e melhor. Queremos passar essa experiência altamente educativa a qual certamente marcará a vida dos nossos jovens nesse evento com tanta riqueza científica” afirma cientista e também fundador e responsável técnico da R-Crio, José Ricardo Muniz Ferreira.

Veja também

Segundo os organizadores, em 2021, com a ajuda do Centro de Processamento Celular, a iniciativa alcançou inúmeros estudantes em Sorocaba, interior paulista. “Dentro de um contexto de isolamento social, uma das equipes, o grupo COC Rockets, pensou em uma forma de solucionar problemas da sociedade lançando mão apenas de uma pequena quantidade de recursos encontrados na casa de cada participante. Foi um ano de grandes desafios, que trouxe também importantes aprendizados e memórias valiosas para a equipe do Science Days. Em meio à pandemia mundial, o projeto se reestruturou para adaptação ao ambiente virtual - Science Days Challenge – e proporcionou experiências enriquecedoras de ensino-aprendizado para alunos de várias regiões do Brasil”, explica Luma Keily, do time de organização.

Educação