Papo de Mãe
Papo de Mãe

Saiba quando chegou a hora do parto: os 4 sinais mais importantes

Mariana Kotscho Publicado em 03/02/2021, às 00h00 - Atualizado às 09h10

None
3 de fevereiro de 2021


Entrevista Especial do Papo de Mãe com a ginecologista e obstetra Ligia Santos sobre os sinais da hora do parto: chegou o momento de o bebê nascer!

Por Papo de Mãe

A maioria das grávidas fica muito ansiosa com a proximidade da hora do parto, ainda mais se for nascer o seu primeiro bebê. Há muitas dúvidas sobre quais são os sinais reais de que o momento certo chegou e não é um “alarme falso” ou algum problema com o qual se preocupar.

Para tirar as principais dúvidas das gestantes, nós batemos um papo com a ginecologista e obstetra Ligia Santos, que é colunista do Papo de Mãe.

Um bebê de termo é aquele de 40 semanas e vai até 42 semanas, mas a partir das 37a semana o bebê já pode nascer sem ser considerado prematuro. Entre 34 e 37 semanas o bebê já está mais formado e não é considerado prematuro extremo. Se a mulher entrar em trabalho de parto antes disso, se possível, é bom tentar inibir o nascimento.

Quando o bebê de encaixa é normal que a mulher sinta dores nas costas e tenha perda do tampão, mas essas duas condiçõs ainda não indicam a hora do parto, assim como as contrações de treinamento, que são esporádicas. “O tampão mucoso é como se fosse um catarro, um tecido mucoso grosso entre o colo do útero e a vagina. Quando ele solta pode haver pequeno sangramento. “Sangramento na gestação é sempre bom verificar”, alerta a dra. Ligia Santos.

A médica explicou que há 4 sinais principais de que a mulher entrou ou vai entrar em breve em trabalho de parto. Ela pode apresentar um deles ou todos.

Os sinais

1 – rompimento da bolsa (perda de líquido)

2 – sangramento intenso

3 – contrações ritmada, com intervalos pequenos, dor

4 – quando bebê fica sem mexer por mais de 4 horas

Assista a entrevista completa com a Dra. Ligia Santos:

Após os primeiros sinais, deve começar a dilatação do colo do útero, que será avaliada pela médica, ou médico. O parto do primeiro bebê costuma ser mais demorado.

Dra. Ligia ressalta a importância do pré-natal e também de fazer um plano de parto. Ela ainda dá mais duas dicas: fazer exercícios na gestação e evitar o ganho excessivo de peso. “Sempre que possível,  parto normal é o ideal. Não desista.”, finaliza ela.

Veja também

Fórceps ainda existe na hora do parto? Dra.Ligia responde

O intervalo ideal entre as gestações

Quando posso engravidar após um aborto? Dra. Ligia responde.




ColunistasDra.Ligia SantosEntrevistasHomeGravidezO PartoPrimeira InfânciaVídeos