Papo de Mãe
Papo de Mãe

S.O.S. PAPO DE MÃE

pmadmin Publicado em 30/07/2010, às 00h00 - Atualizado às 12h57

30 de julho de 2010


QUEM PERGUNTA: WalthêniaOlá! Meu nome é Walthênia, tenho 24 anos e sou casada há três anos e meio. Tenho uma filha de três anos e não vejo a hora de engravidar outra vez. Perdi um bebê em maio do ano passado (estava com uns três meses aproximadamente) e desde então não consegui mais engravidar. Tenho um ciclo menstrual de 45 dias que varia muito desde que perdi o bebê. Algumas vezes chego a ficar até mais de 60 dias sem menstruar. Gostaria de saber como isso afeta minha ovulação, se posso ter mais dificuldades em engravidar e se tem algum problema que esteja associado a um ciclo tão longo. Agradeço pela atenção.QUEM RESPONDE: Especialista que participou do Papo de Mãe sobre “mãe a qualquer custo” Dr. Renato Kalil, ginecologista e obstetra, membro da Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetricia – FEBRASGO. Site: http://www.renatokalil.com.br/
Dr. Renato Kalil
Olá Walthênia, é importante saber o que aconteceu com a gestação que perdeu e se foi feito estudo genético no feto. Foi realizado curetagem uterina? Se realizou o procedimento vale a pena realizar um exame de Histerossalpingografia para verificar se a cavidade uterina e as trompas não foram prejudicadas pelo abortamento. Quanto às irregularidades menstruais deve fazer um controle hormonal (FSH, LH, estradiol, TSH, T4 livre, DHEA, 17 OH-progesterona, Hemograma… entre o 2º dia e 5º dia de menstruação) para verificar se tem algum distúrbio ovulatório. Após esses controles podemos voltar a conversar.DICA DE HOJE:Mostra Internacional de Cinema lança “O Estranho em Mim”  e faz a pré-estreia do filme em parceria com o CineMaterna. O filme sobre depressão pós-parto será exibido em sessão regular no dia 02 de agosto, às 20h, no Frei Caneca Unibanco Arteplex, em São Paulo,  seguido de debate sobre o tema. Para maiores informações:http://www.cinematerna.org.br/