Papo de Mãe
Papo de Mãe
» NOVELEIRAS

Paixões e desencantos: os amores amaldiçoados da novela Pantanal

A colunista do Papo de Mãe, Renata Kotscho, comenta sobre os casais da novela Pantanal e a chegada do novo personagem: Trindade

Renata Kotscho* Publicado em 11/05/2022, às 06h00

Trindade, presonagem da novela Pantanal - Foto: reprodução/ TV Globo
Trindade, presonagem da novela Pantanal - Foto: reprodução/ TV Globo

Sim, todo amor é sagrado.

Pantanal é uma história de amores, daqueles do tipo amaldiçoado.

Na primeira geração, Gustavo que amava Madeleine, que amava o peão Juventino, que amava Madeleine, mas que também amava Filó. Madeleine irmã de Irma, que também amava Juventino, mas também queria dar uns pegas no Gustavo, que não pegava ninguém.

Entre os Xóvens…Gutinha amava Juventino, que pegava Gutinha e também a Influencer Nayara, mas amava Juma, que amava Juventino quando não virava onça. Juventino é irmão de Tadeu que ama Gutinha, mas que não pega ninguém.

É, os saudosos anos 90 voltaram. E se todo mundo vai sofrer, para embalar esses encontros e desencontros nada melhor do que uma viola afinada em cebolão, um toque que faz a gente chorar.

Nada melhor, vírgula, fica muito melhor sim quando a viola é empunhada por um violeiro arrebatador. 

Quando eu soube que a Globo iria refilmar Pantanal, muita gente ficou curiosa para saber quem interpretaria a lendária Juma Marruá. Mas eu só queria saber quem é que iria viver o violeiro Cramulhão.

Trindade, o personagem de Almir Sater na primeira versão da novela, arrebatou corações de todas as gerações. Arrancava suspiros de netinhas a vovós. Um homem bonito daquele com aquela habilidade manual nas 10 cordas só pode ser coisa do demo.

E continua melhorando. O novo Trindade será vivido pelo filho do homem, Gabriel Sater, um diabo que tem nome de anjo. Glória a Deux.

Veja também

Vai ter até uma cena em que pai e filho irão duelar na viola. Um deleite para quem ama essas modas caipiras.

Trindade finalmente estreou na novela no capítulo do último sábado. Sua apresentação foi assim:

“Dia…

Você diz a ele que Xaréu Trindade veio lhe fazer uma visita.

Diz que o assunto é mais do interesse dele do que do meu

Oceis não precisa ter medo que eu não sou o cramulhão

Só tive com ele em meus braços

Salvei a vida dele

Em troca dele abençoar a minha viola

Hummmm”

Coisa linda de pacto com o diabo, mal posso esperar pelos próximos capítulos.  

*Renata Kotscho é noveleira e fofoqueira te convida para assistir e fofocar sobre Pantanal. Tem 3 filhas adolescentes.

Acompanhe o Papo de Mãe nas redes sociais:

Instagram: @papodemaeoficial l Twitter: @papodemae l Facebook

ColunistasRenata Kotscho