Papo de Mãe
Papo de Mãe
» EDUCAÇÃO

Olhar: a mãe e o filho na adolescência

A relação da mãe e o filho na adolescência. Os olhos de ambos se encontram, se perdem, conectam e se desconectam

Ana Paula Yazbek* Publicado em 28/04/2021, às 00h00 - Atualizado às 12h00

A adolescência e a relação com pais e mães
A adolescência e a relação com pais e mães

E a mãe criou seu filho com o conceito da verdade e jurou nunca mentir para ele. Mas os filhos crescem, e quando chega a adolescência, aparecem outras influências. E, de repente, aquela mãe começou a desconfiar que o seu filho mentia para ela. E o filho olhou para a mãe, contou uma história e pediu para que ela olhasse em seus olhos. Queria sua confiança. Aquilo que dizia era a verdade. E a mãe tentava confiar, mas após tantas mentiras e decepções desconfiava. Ele não se conformava, afinal desta vez era a mais pura verdade. E cada um foi olhar as suas coisas. Os olhos da mãe se voltaram para os livros. Os do filho para os amigos e a rua.

Horas se passaram e quando o filho voltou seus olhos estavam vermelhos, caídos, pesados, perdidos, sem foco. Os olhos da mãe percorreram o filho de cima a baixo, depois paralisaram, se enfureceram e se entristeceram. Desde então, os olhos de ambos se encontram, se perdem, conectam e se desconectam. Quando a mãe está só, olha para os lados e para dentro de si, tenta arrancar suas angústias e confiar que entre eles haverá mais encontros do que desencontros. E pensa: o que será que seu filho pensa quando olha?

*Ana Paula Yazbek Aé pedagoga formada pela Faculdade de Educação da USP, com especialização em Educação de Crianças de zero a três anos pelo Instituto Singularidades; iniciou mestrado na FEUSP em 2018 e está pesquisando sobre o papel da educadora de bebês e crianças bem pequenas.

É sócia-diretora do espaço ekoa, escola que atende crianças de toda Educação Infantil (dos 0 aos 5 anos e onze meses). Além de acompanhar o trabalho das educadoras, atua em cursos de formação de professores desde 1995 e desde 2002 está voltada exclusivamente aos estudos desta faixa etária.

Veja também:

ColunistasAna Paula YazbekComportamentoConflitosDesafios / DilemasDiversosEducaçãoFamíliaMãe / PaiHomeAdolescenteJovemSaúde