Papo de Mãe
Papo de Mãe

Grupos de pais no Whatsapp: diálogo ou campo de batalha?

Mariana Kotscho Publicado em 03/02/2021, às 00h00 - Atualizado às 09h40

None
3 de fevereiro de 2021


A colunista do Papo de Mãe, Stella Azulay, especialista em desenvolvimento humano, fala sobre a armadilha que são os grupos de pais no Whatsapp.

Por Papo de Mãe

A tensão impera nos grupos de Whatsapp de pais e mães. Normalmente são grupos da escola dos filhos e filhas em que várias pessoas que mal se conhecem estão reunidas emitindo opiniões que podem gerar atritos.

É preciso ter um código de ética nestes grupos. Uma frase errada ou mal interpretada leva a várias ofensas que jamais seriam feitas presencialmente. E quem sofre as consequências disso são as crianças e os adolescentes. Para Stella Azulay, especialista em desenvolvimento humano,  esses grupos mais parecem “terapia coletiva sem condução adequada”.

Dicas da Stella

1 – Ao teclar num grupo de whatsapp, se imagine numa sala com aquelas pessoas

2 – Lembre que você vai encontrar essas pessoas pessoalmente um dia

3 – Imaginem seus filhos repetindo suas palavras para os amigos.

“Nós educamos pelo exemplo mais do que pelo discurso”, lembra Stella Azulay.

Veja o comentário completo de Stella Azulay sobre grupos de whatsapp:

E fica tudo registrado, copiado, compartilhado e printado.

Então, cuidado.

Veja também

Coluna da Stella Azulay: Como definir as regras da casa?

Volta às aulas: dúvidas e aflições

A autoestima de crianças e adolescentes




ColunistasStella AzulayFamíliaMãe / PaiHomeAdolescenteVídeos