Papo de Mãe
Papo de Mãe
» MANIAS DO BEM

Fidget Toys: a relação entre objetos sensoriais e o bem-estar da criança

Seus filhos também estão interessados pelos Fidget Toys? A pedagoga Larissa Fonseca explica como essa nova mania pode ser positiva para os pequenos

Larissa Fonseca* Publicado em 06/07/2021, às 15h24

Brinquedos sensoriais que estimulam o bem-estar.
Brinquedos sensoriais que estimulam o bem-estar.

Você se pergunta se essas “manias” são saudáveis e positivas ou são somente “modismos” para possivelmente incentivar o consumo?

Os Fidget Toys são basicamente brinquedos sensoriais cujo manuseio e exploração podem estimular o bem-estar. 

Por meio do toque e sons, assim como outros brinquedos e materiais sensoriais, é possível que eles auxiliem no alívio temporário da ansiedade e do estresse. 

Além disso, a partir de seus sons, texturas e demais possibilidades de estímulos que proporcionam, é possível que também auxiliem no desenvolvimento da praxia fina, destreza, concentração e entretenimento, não só para crianças como também para adultos e idosos. 

Não há estudos científicos conclusivos sobre esse material específico, no entanto, são considerados como mais uma opção de ferramenta sensorial interessante. Isso porque, é muito comum que, tanto as crianças, quanto adolescentes, jovens, adultos e idosos, realizem ações repetitivas em resposta a situações estressantes ou de ansiedade.

Veja também: 

Alguns roem as unhas, outros “cutucam” a pele, movimentam o cabelo, “batucam” em superfícies, mordiscam pontas de lápis, etc. Esses comportamentos muitas vezes são involuntários e nem sempre percebidos por quem os executa. Algumas vezes, eles podem até causar ferimentos (por exemplo, arrancar pedacinhos de pele dos dedos) e afetar a saúde. A hipótese é de que esse tipo de ação e comportamento sejam mecanismos de defesa utilizados pelo cérebro para “distrair” e “mudar o foco” do aborrecimento. 

Por isso, esses brinquedos considerados "antiestresse" podem ser bastante benéficos. Eles serviriam para substituir esses possíveis comportamentos nocivos e atuarem nos momentos de ansiedade e estresse.

Spinner, outro brinquedo que pode combater o estresse. 

Aliás, eles fazem parte da nossa vida há muitos anos. Mais recentemente tivemos os spinners, mas massinhas de modelar, cubo mágico, ioiô dentre outros brinquedos e jogos que promovem esses padrões e ações repetitivas sempre estiveram presentes em nossas vidas e podem contribuir positivamente para o desenvolvimento cognitivo, motor e emocional das crianças e adultos.   

*Larissa Fonseca é Pedagoga e NeuroPedagoga graduada pela USP, Pós Graduada em Psicopedagogia, Psicomotricidade e Educação Infantil.

Especialização em Parental Coaching pelo Professional Course Educational Corp. de Orlando/FL/EUA, no Universo do Brincar pelo centro de Estudos Filosóficos Palas Athena, em Psicanálise e Educação pelo Instituto de Psicologia da USP, em Comportamento e Desenvolvimento Infantil e em Principais Psicopatologias da Infância e Adolescência.

Site

Facebook 

Instagram 

Youtube

Assista ao Papo de Mãe sobre manias. 

ColunistasLarissa FonsecaComportamentoVídeos