Papo de Mãe
Papo de Mãe

“Estes poemas são em homenagem às mães” – Joel Cavalcante – Brasília/DF

Roberta Manreza Publicado em 10/05/2015, às 00h00 - Atualizado às 08h05

None
10 de maio de 2015


MATERNIDADE

Joel Cavalcante

A felicidade saiu da barriga dela

Foi para o berço

E se espalhou pela casa toda

Quem lá entrava

Vontade de sair não sentia

E ficava viciado em alegria

Shauany

Joel Cavalcante, numa Oficina de Poesia do Sesc

MÃE DOCE

Joel Cavalcante

Ao anoitecer contando história

Mãe doce da voz doce

Feito doce de leite no ouvido da criança

Para fazer uma pessoa mais doce

E da voz doce a criança se empanturra

E seu encantado mundo de chocolate

Maravilhoso entre carinhos e beijos

Começando tão bem a vida

Com mais chances de continuar melhor

E mamãe doce e criança feliz

E papai doce na realidade dos dias

Construindo o castelo da vida infantil

De se aprender a viver plantando

O que colher com alegria

E tantas crianças assim vivendo

Mamãe doce…

Doce de leite na voz…

Quanta saudade!

Papo de Mãe:Joel, muito obrigada pelos poemas! Continue ligado no Papo de Mãe! Abraços para o pessoal de Brasília!!!

poema joel (1)




Você no Papo