Papo de Mãe
Papo de Mãe

Entrevista com especialista + SOS Papo de Mãe

pmadmin Publicado em 02/11/2011, às 00h00 - Atualizado em 19/09/2014, às 19h41

None
2 de novembro de 2011


Olá!Estamos de volta com o papo sobre CRESCIMENTO, e no post de hoje o Dr. Eurico Mendonça, médico endocrinologista que participou do programa deste último domingo, responde a uma breve entrevista e esclarece as dúvidas de telespectadores!
Dr. Eurico Mendonça
BLOG PAPO DE MÃE: Por que é importante controlar o crescimento da criança?Dr. Eurico: O crescimento é o fato biológico característico da infância. Doenças que acometem as crianças podem prejudicar o crescimento, portanto o crescimento é um indicador do estado de saúde de uma criança.

BLOG PAPO DE MÃE: Até que idade os meninos e as meninas costumam crescer?Dr. Eurico: Os meninos crescem até mais tarde, mais ou menos 18 a 20 anos. As meninas crescem até 16 anos, em média.

BLOG PAPO DE MÃE: O que é o exame da idade óssea e para que serve?Dr. Eurico: A idade óssea é uma avaliação da maturação do organismo. Serve para o médico acompanhar e avaliar o processo de crescimento.

BLOG PAPO DE MÃE: Em que casos se faz necessário utilizar o hormônio do crescimento? Existem contra-indicações e efeitos colaterais?Dr. Eurico: O hormônio de crescimento está indicado em poucas situações, em que ocorre deficiência ou resistência ao hormônio. A imensa maioria das crianças ‘pequenas’ não tem indicação para uso do hormônio de crescimento. Como todo medicamento, o hormônio tem efeitos colaterais e contra-indicações.

BLOG PAPO DE MÃE: Que profissionais os pais de uma criança com baixa estatura devem procurar quando constatam um atraso no crescimento do filho?Dr. Eurico: O primeiro profissional que deve ser consultado em caso de criança com baixa estatura é o pediatra da criança. Ele saberá conduzir o caso e, se necessário, encaminhar a outros especialistas.

S.O.S. PAPO DE MÃEPERGUNTA:Gosto muito do programa. Sempre que estou em casa assisto. Achei muito interessante o tema desse domingo sobre crescimento. Tenho duas filhas, a primeira tem 19 anos a segunda tem 17 anos. Porém a primeira é mais alta do que eu e meu esposo (nós temos estatura média 1,60). A segunda é mais baixa do que nós e isso, às vezes, incomoda um pouco. Gostaria de saber se ela ainda pode crescer um pouco mais?Dr. Eurico: Acho muito pouco provável que a filha menor de 17 anos ainda cresça. Nesta idade, geralmente, o crescimento das meninas já terminou. Uma avaliação com um especialista poderá dizer se ainda haverá crescimento.PERGUNTA: Comecei a ver o Papo de Mãe todo domingo depois que foi confirmada a minha gravidez. Tenho hipertireoidismo e a medicação já não está fazendo o efeito esperado. Meus exames estão todos alterados e a médica falou que será preciso tomar uma dose de iodo. Hoje minha filha tem 4 meses e a pediatra disse que tenho que ficar distante dela pelo menos uma semana. Como posso me distanciar tão rápido de uma parte tão dependente de mim? Como segurar essa saudade? Como não deixar o emocional atrapalhar meu tratamento? Dr. Eurico: Se for decidido o uso de iodo radioativo, então é imprescindível afastar a nenê da mãe por alguns dias, pois há risco de contaminação com radioatividade, o que causaria sérios danos a ela. Infelizmente não haveria outro jeito, mas é uma coisa passageira, de apenas alguns dias.







Diversos