Papo de Mãe
Papo de Mãe
» SAÚDE

Dia Mundial da Saúde: entenda a importância de um estilo de vida saudável

No dia mundial da saúde, a endocrinologista Mariana Carvalho de Oliveira fala sobre hábitos que devem ser praticados por um bem-estar físico e mental

Redação Papo de Mãe Publicado em 07/04/2022, às 06h00

Se exercitar é fundamental para ter saúde
Se exercitar é fundamental para ter saúde

Celebrado anualmente em 7 de abril, o Dia Mundial da Saúde foi criado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) a fim de conscientizar a sociedade sobre a importância de um estilo de vida saudável para a preservação da saúde e de uma boa qualidade de vida. A data coincide com a fundação da entidade e vem sendo comemorada desde 1950.

Diante desse cenário, a endocrinologista Dra. Mariana Carvalho de Oliveira comenta que hábitos saudáveis devem ser rotineiramente relacionados a um estilo de vida que busca a melhora da saúde. “Ou seja, ações do dia a dia que tentam alcançar um bem-estar completo, o que envolve aspectos físicos, mentais e sociais.”

A especialista também comenta que diversos estudos já comprovaram que a manutenção de hábitos considerados saudáveis ainda previne o aparecimento de diversas doenças. “Pois consolida um comportamento rotineiro ao cérebro, o que ensina o organismo a se preparar melhor diante das adversidades.”

Entre os principais exemplos que compõem um estilo de vida saudável estão: uma alimentação equilibrada e nutritiva; hidratação adequada; a prática regular de atividades físicas; rotina de sono em dia para descansar o cérebro; e a realização de exercícios que tragam relaxamento e evitem o estresse.

Hábitos a serem evitados

A endocrinologista também orienta que algumas práticas precisam ser evitadas com o objetivo de preservar a boa saúde do corpo, como o sedentarismo, o consumo de álcool e drogas, tabagismo, privação de sono, estresse, relacionamentos que trazem dor e até mesmo um trabalho excessivo sem pausas.

​“Um desequilíbrio, tanto físico quanto mental, são maus hábitos de vida que quase sempre são responsáveis por aumentar o risco de doenças cardiovasculares, obesidade, diabetes, cansaço, hábitos compulsivos, dor de cabeça crônica e até mesmo acidente vascular cerebral e quadros de depressão e ansiedade”, diz Dra. Mariana.

​Logo, é essencial que essas práticas sejam estimuladas desde a infância, pois uma rotina construída desde muito jovem se mostrará mais fácil de ser mantida durante a vida adulta. Entretanto, conforme o avançar da idade, os cuidados merecem cada vez mais atenção, especialmente naquelas pessoas que já possuírem alguma comorbidade.

Importância do dia

Dra. Mariana ressalta ser importante possuir uma data exclusiva para falar sobre o assunto, pois traz a oportunidade de levar o recado para cada vez mais pessoas.
​“É um tema que deveria ser discutido com mais frequência, principalmente em uma época em que cada vez mais doenças estão em evidência. A população em geral precisa ter conhecimento de que é possível ter mais equilíbrio e qualidade de vida quando hábitos saudáveis são encorajados e praticados”, diz.

Hoje em dia, o conceito de saúde é mais amplo do que o senso comum antigamente acreditava, quando ter saúde era apenas sinônimo de ausência de alguma enfermidade. “Atualmente, o sentido engloba um estado completo de bem-estar não só físico, mas de sentir-se bem por inteiro em relação ao corpo, mente e lanços sociais”, explica a endocrinologista.

Veja também

Sobre a dra Mariana Carvalho de Oliveira

Nascida em Araraquara, formou-se em medicina pelo Centro Universitário Barão de Mauá, em Ribeirão Preto. É especialista em Clínica Médica e em Endocrinologia e Metabologia pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Atualmente, trabalha no Hospital Estadual de Américo Brasiliense (HEAB) e é professora e preceptora do curso de Medicina da Universidade de Araraquara (UNIARA), além de atender em seu consultório localizado na mesma cidade.

Saúde