Papo de Mãe
Papo de Mãe
» RESPEITO

Apreço à tolerância

A importância da educação para combater preconceitos e promover a tolerância

Emanoel Ceress* Publicado em 03/05/2022, às 06h00

Emanoel Ceress - foto: arquivo pessoal
Emanoel Ceress - foto: arquivo pessoal
Imagine um barco à deriva ou mesmo um barco sem velas. Vamos mais além: pense em uma sociedade onde só uma única forma de interpretar a realidade pode ser aceita como correta. Para que lado deveremos ir a fim de decidirmos a melhor linha de pensamento?  
Navegando pelo mar da historicidade, a educação sempre foi o timoneiro que governa a vida social. As rotas percorridas por esta revelam que, se hoje somos conduzidos sobre os ideais de igualdade e de solidariedade, águas turvas já impulsionaram ideologias educacionais contrárias à dignidade humana. Ideologias exclusivistas que deixaram rastros e que por isso ainda operam disfarçadas de “liberdade de expressão”.  
É sobre isso que versa a Constituição de 1988, Cidadã por designação, quando estabelece os princípios que passaram a fundamentar as finalidades da educação. São estes que propiciam o preparo para o exercício da cidadania e preconizam a base da convivência harmônica entre os indivíduos. O respeito à condição humana é o elo da garantia de liberdade para todos, desde que a solidariedade se expresse na aceitação das diferenças e na vivência do apreço à tolerância, diante das discordâncias. 

Veja também

A educação brasileira pensa seus partícipes como indivíduos que têm o direito assegurado de ser respeitado em suas condições individuais, seja de ordem religiosa, de gênero, étnicas, socioeconômicas ou subjetivas. Elementos que expressam a realidade individual, o pluralismo de ideias e delineia a condição múltipla que constitui a essência da cultura brasileira.  
Dessa forma, o apreço à tolerância é o meio de se ajustar as velas do barco, dando-lhe norte. A disposição para admitir os modos de pensar, de ser e de sentir das outras pessoas, ainda que sejam diferentes dos nossos, concretiza os laços de solidariedade necessários para superar as frequentes manifestações polarizadoras que se constituem nos discursos de ódio. Por meio da educação, os valores da cidadania constitucional ainda imploram pela formação de uma nova geração, sem jamais olvidar que o rumo dado ao leme nos leva às águas tranquilas.
emanoel
Emanoel Ceress
*Emanoel Ceress é Emanoel Rodrigues da Silva, intérprete de língua inglesa, professor de inglês no Gran Cursos Online, especialista em Linguística Aplicada e em Psicopedagogia. Professor de inglês e também tem um canal no youtube.
ColunistasEmanoel Ceress