O Portal
da Vida em Família
25/11/2020

Depoimento de mãe: “Início do meu propósito de vida” – conflito entre carreira e maternidade

 

Por Márcia Cubas Kemotu .

*Mãe do Theodoro | Faça a Diferença, seja Protagonista da Mudança! Busco o diálogo para o tema Maternidade e Carreira! Mulheres Mães unam-se por essa Pauta dentro do Corporativo!

“Eu sou mãe, foi a minha maior realização de Vida, eu AMO ser Mãe.”

Depois de pensar muito, decidi deixar registrado um artigo sobre meu objetivo de vida, que hoje posso dizer que é meu propósito. Ficou mais evidente no final de 2019, início de 2020, no LinkedIn.

Fiz um post dia 03.01.2020 exatos 07 meses, sobre a minha intenção de trazer para a rede o diálogo sobre Maternidade e Carreira, precisamos deste diálogo e visibilidade da pauta dentro do corporativo: escrevi algumas vezes e é uma verdade!

“Maternidade é um Tabu no Corporativo”

A minha experiência profissional é de 16 anos nas áreas contábil e fiscal. Pensei em fazer post com conteúdo sobre, pois no começo a utilização da plataforma foi para buscar recolocação. Isso mudou com o tempo, após perceber que a maternidade, equivocadamente,  “não é aceita” por alguns CNPJ.

Hoje eu fico pensando: para a mulher parece que o relógio do tempo deve ser mais controlado. Digo isso pelo fato de que, se analisarmos, precisamos estudar, arrumar o emprego, investir em cursos extras curriculares, conquistar nosso espaço (que não é fácil), e no meio de campo, se for da vontade, planejar para um dia ser mãe.

Tudo isso em mais menos 10 anos, do início da carreira até a suposta data para realizar a maternidade, se pensarmos entre a faculdade e adquirirmos uma boa experiência, estaremos entre 30 a 35 anos de idade. Estou me referindo a um padrão tradicional, tenho consciência que nem todas as mulheres tem esse “pensamento ou atitude” ou tem a oportunidade de assim agir ou seguir.

Percebo o quanto é deficiente esse diálogo sobre a maternidade, neste relógio do tempo, por ser da natureza da mulher. Algumas podem não concordar comigo, mas algumas mulheres acham não ser necessário essa preocupação, que entendo, mas se você tem uma carreira e tem a intenção de realizar a maternidade na sua vida, é extremamente necessário um planejamento, sendo estes, na minha opinião: saúde, profissional, familiar, financeiro e psicológico, entre outros.

E o diálogo no corporativo sobre a pauta maternidade deve existir para assim começarem a entender a importância e valorização dessa profissional Mulher Mãe.

“Fui entender e compreender melhor sobre as habilidades que desenvolvemos naturalmente com a Maternidade, e que podem ser aplicáveis em cargos estratégicos para as organizações, após já não estar mais neste ambiente.”

Eu confesso que fiz o planejamento da saúde e do financeiro, porém nem tudo correu conforme o planejado, e você precisa se preparar para isso também. Os outros, parece que passa meio que despercebida a necessidade, exatamente por não ter esse diálogo no decorrer do relógio do tempo. Quando você está numa rotina profissional, com realizações de projetos e conquistando espaço, parece que falta esse tempo.

Porém, de novo, se deseja a maternidade na sua vida, comece o quanto antes a pensar e planejar pelo menos esses 05 pontos. Pois isso fará toda diferença no futuro.

Devido à dificuldade de entender a negação da maternidade evidenciada em processos seletivos, comecei a participar de fóruns de D&I, também pela causa feminina, pela representatividade da mulher em algumas áreas extremamente masculinas, como é a contábil.

“Apoio todas as causas de Diversidade e Inclusão, meu foco é na Equidade de Gênero.”

Hoje não tenho mais a intenção de atuar nas áreas que tive experiência e formações, quero focar em projetos para a pauta Maternidade e Carreira, gostaria de quebrar esse tabu entre nós mulheres e as áreas responsáveis pela melhor visibilidade da pauta maternidade, e assim nos ajudar na permanência – se assim desejarem ambas as partes, mãe e corporativo.

Ainda preciso de ajuda e orientações para realizar – e vou atrás.

Sei e tenho consciência que não será fácil, porém não vou desistir.

Todos(a) são bem vindos para esse diálogo, vamos conversar, e levantar a visibilidade da causa Maternidade e Carreira, e acabar com esse tabu.

Abraços e cuidem-se.

 

 


Tags: , , , , , ,

%d blogueiros gostam disto: